Família é feita refém durante assalto em São José do Ouro

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter

Quadrilha rendeu oito pessoas e trocou tiros com a polícia na fuga

Publicado em 15/11/2013


Cinco homens armados assaltaram na madrugada desta sexta-feira uma casa em São José do Ouro, na região Norte do Estado. Segundo a Brigada Militar (BM), um casal e um bebê de seis meses foram feitos reféns por quase quatro horas no bairro Altos da Esperança. Outras cinco pessoas de uma residência vizinha também foram rendidas pelo grupo.

O crime começou por volta da 1h, quando a quadrilha rendeu o dono da casa. Em seguida, o grupo invadiu a residência da avó do proprietário e fez outras cinco pessoas reféns. Durante a ação os asssaltantes agrediram uma mulher e ameaçaram, em vários momentos, torturar o bebê se não fosse permitido o acesso ao cofre. Os criminosos roubaram computadores, dinheiro, cheques e celulares das vítimas.

A BM foi acionada por volta das 5h30min, depois que os assaltantes já haviam deixado o local. Na fuga, eles abandonaram o carro em que estavam – um Ford Focus com placa clonada – e roubaram um Golf. Na ERS 343, os homens trocaram tiros com a polícia e fugiram em direção a Passo Fundo pela ERS 126. A BM segue fazendo buscas na região.

A polícia identificou que o Focus foi roubado durante o assalto semelhante a uma casa no munícipio de Selbach, no último dia 9. O grupo estava armado com dois revólveres .38, um arma calibre 12, uma carabina e facões. Três deles estavam usando coletes à prova de bala. Um rádio transmissor foi deixado na residência.

Com informações do repórter Luciano Nagel

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba

Cinco morrem em acidente com ônibus

Publicado em 30/07/2014

Veículo da empresa Eucatur colidiu contra caminhão na BR 163, em MS
Aumento é reflexo do impacto financeiro de empréstimos às distribuidoras de energia
O fato se deu na noite desta segunda-feira (28), na BR 472 em Três de Maio
Cristiano Vicini foi visto pela última vez no dia 29 de janeiro no Litoral de SC.
Prefeito administra o município gaúcho enquanto espera por notícias.